Novo Blog para o Concelho de Ourém. Rumo à Excelência. Na senda da Inovação
comentar
publicado por João Carlos Pereira e Friends, em 12.10.10 às 00:25link do post | | adicionar aos favoritos

 

Passando um olhar pela história, o dia 12 de Outubro traz-nos à memória alguns acontecimentos da vida política, social e cultural, não só portuguesa como também internacional, que passamos seguidamente a assinalar por ordem cronológica:

 

- 12 de Outubro de 1492, Cristóvão Colombo chega à ilha de São Salvador, nas Bahamas, convencido de que atingira a Índia.

 

- 12 de Outubro de 1798, nasceu D. Pedro IV de Portugal (Pedro I do Brasil), 28º Rei de Portugal e 1º Imperador do Brasil (faleceu a 24-09-1834).

 

- 12 de Outubro de 1810, na sequência das Invasões Francesas, o exército francês chega às Linhas de Torres Vedras. O 9º Corpo do exército francês, sob o comando do General Drouet D’Erlon, saiu de Valladolid em direcção a Portugal.

 

- 12 de Outubro de 1822, o Brasil declara oficialmente a sua independência em relação a Portugal. Pedro I do Brasil é proclamado Imperador.

 

- 12 de Outubro de 1862, casamento, em Lisboa, de D. Luís I com D. Maria Pia de Sabóia.

 

- 12 de Outubro de 1935, nasceu Luciano Pavarotti, tenor (cantor lírico) italiano (faleceu a 6-09-2007).

 

 

- 12 de Outubro de 1943, no decurso da Segunda Guerra Mundial, Portugal divulga a assinatura do Acordo Luso-Britânico que concede ao Reino Unido instalações militares nos Açores.

 

- 12 de Outubro de 1964, Leonid Brejnev substituí Nikita Khrushchev como secretário-geral do Partido Comunista da União Soviética.

 

- 12 de Outubro de 1972, agentes da PIDE/DGS matam a tiro o estudante do Instituto Superior Técnico, José Ribeiro dos Santos, militante do MRPP, na sequência de uma reunião de protesto contra a repressão policial.

 

- 12 de Outubro de 2002, em Bali, Indonésia, ocorre um atentado terrorista, que mata 202 pessoas e fere outras 209.

 

- 12 de Outubro de 2003, Michael Schumacher torna-se hexacampeão mundial de Fórmula 1, ao chegar em oitavo lugar no grande prémio do Japão, superando o recorde de Juan Manuel Fangio

 

- 12 de Outubro de 2007, morreu Paulo Autran, actor brasileiro (nasceu a 7-09-1922).


Carlos Gomes a 16 de Outubro de 2010 às 14:44
Uma pequena correcção: José António Leitão Ribeiro dos Santos era estudante de Direito e encontrava-se a assistir a uma reunião geral de alunos no Instituto Superior de Ciências Económicas e Financeiras, actual Instituto Superior de Economia. Foi morto por um agente da DGS - a sucessora da PIDE - em circunstâncias ligeiramente diferentes da que habitualmente é conhecida. Ribeiro Santos era militante da FE M-L, organização estudantil do MRPP.

João Carlos Pereira e Friends a 19 de Outubro de 2010 às 19:04
Estimado Carlos Gomes,

Obrigado pelo seu comentário e pelas correcções que introduziu. Sempre considerámos que a fonte que utilizámos para a elaboração deste pequeno post não oferecia uma credibilidade absoluta, mas não esperávamos que neste "simples" facto contivesse tantas correcções.
Também não foi nossa intenção elaborar um levantamento histórico exaustivo e fidedigno sobre os factos que reportámos, mas aqui ficam os seus esclarecimentos oportunos, os quais desde já agradecemos.
Eles serão úteis para nós e para todos quantos nos honram com as suas visitas.

Com amizade,

João Carlos Pereira e Friends

Carlos Gomes a 19 de Outubro de 2010 às 19:39
Não foi minha intenção corrigir mas participar. Penso que, por este meio, também se pode ajudar a reconstituir factos históricos que, por vezes, apesar de recentes, já se escondem na neblina. Por exemplo, também o nome do Dr. Durão Barroso é vulgarmente associado ao MRPP e, de igual modo, ele apenas militou na sua organização estudantil ou seja, a Federação dos Estudantes Marxistas-Leninistas (FE M-L). Ideologicamente significava o mesmo mas organicamente tratavam-se de duas estruturas separadas, embora enquadrada por dirigentes do MRPP. Era seu líder o engº Danilo Matos, irmão de Arnaldo Matos e genro do escritor José Saramago que, como se sabe, foi militante do PCP. Pode imaginar as situações que daí resultou, nomeadamente aquando do saneamento dos jornalistas do Diário de Notícias?!...

Carlos Gomes a 16 de Outubro de 2010 às 14:51
Uma questão interessante que merece reflexão: Terá Colombo ficado realmente convencido de que atingira a Índia? Porque terá ele atribuído o nome de Cuba se esse topónimo é inexistente em Espanha? Porque terão as navegações portuguesas sido suspensas durante dez anos, precisamente no período compreendido entre a navegação de Gil Eanes e a celebração do Tratado de Tordesilhas após a chegada de Colombo às Américas? E, porque não tendo D. João II meios de financiar a viagem de Colombo, iniciou de imediato os preparativos para a viagem à Índia após a celebração do Tratado de Tordesilhas? E, porque terá realmente sido Colombo preso e enviado para Espanha mal foi conhecida na Europa a notícia da chegada de Vasco da Gama à Índia? São apenas algumas questões que se poderiam desenvolver...

mais sobre mim
Outubro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

16

17
18

24
28



links
pesquisar
 
Contador
free counters
Blog iNovOurém no Facebook
Google Translate
TWITTER
Followers
blogs SAPO